Meu primeiro Beija-flor

Um novo dia 
Vento e brisa
Em suave amanhecer.

Chaleira aquecida
E o Café quente
Servido na beira de velho fogão de barro.

Da janela em moldura natural
Estão vivas as flores no campo
São perfeitas obras de Arte
Natural fascinacão.

Espero o tempo correr
Passa devagar tempo veloz
Contemplo da janela as nuvens
A chuva além da montanha. 

Até que chega quem tanto espero
Pequeno colibriAmigo queridoPequeno Beija-flor.

As horas passam e ele passeia
Por entre as flores
Pequena ave segue seu destino
Até  novo raiar do dia.

E mais uma vez voltar a me encantar
Sendo o meu primeiro Beija-flor
Que todas as manhãs vêem encantar o meu jardim.

Publicado por Rodrigo Marcs

Escritor do Blogger: Um sonho, uma história, uma poesia...assim

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie seu site com o WordPress.com
Comece agora
%d blogueiros gostam disto: